Jequitaí autoridades 

 

Nilson Borges – subsecretário de Desenvolvimento Integrado e diretor-geral do Idene – fez a primeira visita técnica ao local onde está prevista a construção da barragem de número 1 do Projeto Hidroagrícola Jequitaí, nesta quarta-feira (26/8). O projeto visa à transformação da realidade do Norte de Minas com reflexos positivos para 16 municípios. Está prevista a irrigação de 35 mil hectares, abastecimento de água potável, geração de energia, piscicultura, lazer e turismo com a geração de dezenas de milhares de empregos.

O município de Jequitaí está localizado na região Norte do estado a 400 km de Belo Horizonte. Há um anseio da região há pelo menos quatro décadas pela efetiva implantação do Projeto Hidroagrícola. A visita ocorre no momento em que o Idene é anunciado pelo governo do Estado como novo gestor ambiental, social e fundiário do projeto, em substituição à Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa).

Borges conheceu o trabalho do Consórcio Jequitaí instalado no município há alguns anos. Houve uma apresentação dos responsáveis técnicos mostrando o status do projeto, bem como a parte da própria Seapa que transfere a responsabilidade para o Idene, que como autarquia administrativa, poderá dar celeridade à implantação do complexo. O diretor-geral do Idene fez uma série de perguntas para facilitar a compreensão e os próximos passos a serem dados.

Visita ao Rio Jequitaí

No período da tarde, Nilson Borges, acompanhado do deputado estadual Arlen Santiago, do senador Carlos Viana, de lideranças municipais, de equipes técnicas e do Consórcio Jequitaí, visitou a região rural de Jequitaí onde serão construídas as barragens do projeto. Todas as autoridades manifestaram disposição para que todos os recursos necessários cheguem ao Idene e à Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba. A Codevasf é vinculada ao Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) e é responsável pelas obras civis do projeto.

Nilson Borges finalizou a visita ressaltando a confiança do Estado, por meio do governador Romeu Zema, do vice-governador Paulo Brant e da titular da Seapa Ana Maria Valentini para que o Idene consiga a retomada do Projeto Hidroagrícola Jequitaí. “Começamos um grande desafio para a realização de um sonho antigo da região, e temos a certeza de que com o apoio do Estado, da União, da Assembleia Legislativa e do Congresso Nacional avançaremos muito”, assegurou Nilson Borges.

Jequitaí 1